Saltar para: Posts [1], Pesquisa [2]

tvPRIME

'Three Billboards outside Ebbing, Missouri' é o grande vencedor dos BAFTA 2018

bafta-banner.jpg

 

A Academia Britânica de Cinema e Televisão revelou ontem os vencedores dos BAFTA 2018, onde o grande vencedor foi 'Three Billboards outside Ebbing, Missouri' ao vencer cinco categorias (Melhor Filme, Filme Britânico, Actriz, Argumento Original e Actor Secundário). Com isto, 'Three Billboards' é o principal favorito para o Óscar de Melhor Filme.

 

'The Shape of Water', que estava nomeado em 12 categorias, levou somente três prémios, entre eles o de Melhor Realizador – o que o torna no principal favorito para o Óscar de Realização.

 

Segue a lista completa dos vencedores (a vermelho):

 


Melhor Filme
'Call Me By Your Name'
'Darkest Hour'
'Dunkirk'
'The Shape of Water'
'Three Billboards Outside Ebbing, Missouri'

 

Melhor Filme Britânico
'Darkest Hour'
'The Death of Stalin'
'God's Own Country'
'Lady Macbeth'
'Paddington 2'
'Three Billboards Outside Ebbing, Missouri'

 

WGA Awards 2018 – 'Get Out', 'Call Me By Your Name' e 'The Handmaid’s Tale' são os grandes vencedores

wga-awards-banner.jpg

 

Ontem foram anunciados os vencedores dos WGA Awards (Writers Guild of America Awards), onde o sindicato dos argumentistas norte-americano premeia os melhores argumentos.

 

James Ivory ('Call Me By Your Name') e Jordan Peele ('Get Out') foram os grandes vencedores de cinema, ao levarem os prémios de Melhor Argumento Original e Adaptado.

 

Na televisão, 'The Handmaid’s Tale' ganhou por duas vezes – Melhor Drama e Nova Série – enquanto que 'Veep' venceu Melhor Comédia.

 

De seguida conheça os vencedores (a vermelho):

 

 

CINEMA

 

Melhor Argumento Original
'The Big Sick', por Emily V. Gordon & Kumail Nanjiani
'Get Out', por Jordan Peele
'I, Tonya', por Steven Rogers
'Lady Bird', por Greta Gerwig
'The Shape of Water', por Guillermo del Toro & Vanessa Taylor

 

Melhor Argumento Adaptado
'Call Me by Your Name', por James Ivory
'The Disaster Artist', por Scott Neustadter & Michael H. Weber
'Logan', por Scott Frank, James Mangold e Michael Green
'Molly’s Game', por Aaron Sorkin
'Mudbound', por Virgil Williams e Dee Rees

 

Melhor Argumento de Documentário
'Betting on Zero', por Theodore Braun
'Jane', por Brett Morgen
'No Stone Unturned', por Alex Gibney
'Oklahoma City', por Barak Goodman

 

DGA Awards 2018 – Os Vencedores de Cinema e Televisão

dga-banner.jpg

 

No dia 3 de Fevereiro foram entregues os prémios do sindicato de realizadores dos Estados Unidos, mais conhecidos como DGA Awards.

 

Depois de também ter vencido os PGA Awards, será (quase) impossível que o Óscar de Melhor Realizador escape a Guillermo del Toro, que venceu o prémio de Melhor Realizador nesta edição dos DGA Awards.

 

Jordan Peele venceu o prémio de Melhor Primeiro Filme, enquanto que na televisão 'The Handmaid’s Tale', 'Veep' e 'Big Little Lies' foram os vencedores da noite.

 

 

CINEMA

 

Melhor Realizador
Guillermo del Toro – 'The Shape of Water'
Greta Gerwig – 'Lady Bird'
Martin McDonagh – 'Three Billboards Outside Ebbing, Missouri'
Christopher Nolan – 'Dunkirk'
Jordan Peele – 'Get Out'

 

Melhor Primeiro Filme
Geremy Jasper – 'Patti Cake$'
William Oldroyd – 'Lady Macbeth'
Jordan Peele – 'Get Out'
Taylor Sheridan – 'Wind River'
Aaron Sorkin – 'Molly’s Game'

 

Melhor Documentário
Ken Burns & Lynn Novick – 'The Vietnam War'
Bryan Fogel – 'Icarus'
Matthew Heineman – 'City of Ghosts'
Steve James – 'Abacus: Small Enough to Jail'
Errol Morris – 'Wormwood'

 

'120 Battements par Minute' é o grande vencedor dos Prémios Lumières 2018

bpm-lumieres-awards-18-banner.jpg

 

Os vencedores dos Prémios Lumières 2018 foram anunciados ontem. O destaque vai para '120 Battements par Minute' que venceu todas as categorias em que estava nomeado, entre elas Melhor Filme e Realizador.

 

Conheça de seguida todos os vencedores (a vermelho):

 


Melhor Filme
'120 Battements par Minute'
'See You up There'
'Barbara'
'Félicité'
'Orphan'
'C’est la vie!'

 

Melhor Realizador
Mathieu Amalric - 'Barbara'
Robin Campillo - '120 Battements par Minute'
Laurent Cantet - 'The Workshop'
Philippe Garrel - 'Lover for a Day'
Alain Gomis - 'Félicité'
Michel Hazanavicius - 'Redoubtable'

 

'Coco' é o grande vencedor dos Annie Awards 2018

coco-pixar-banner.jpg

 

No dia 3 de Fevereiro, foram anunciados os vencedores dos Annie Awards 2018, que premeiam o que de melhor se faz no mundo da animação.

 

'Coco' foi o grande vencedor da noite ao levar 11 estatuetas, entre elas Melhor Filme de Animação, Efeitos Visuais e Realização.

 

Eis a lista completa dos vencedores (a vermelho).

 


Melhor Filme
'Captain Underpants: The First Epic Movie'
'Cars 3'
'Coco'
'Despicable Me 3'
'The Boss Baby'

 

Melhor Filme Independente
'In This Corner of the World'
'Loving Vincent'
'Napping Princess'
'The Big Bad Fox & Other Tales'
'The Breadwinner'

 

Prémios César 2018 – '120 Batimentos por Minuto' e 'Au revoir là-haut' são os filmes mais nomeados

bpm-lumieres-awards-18-banner.jpg

 

Hoje foram anunciados os nomeados aos Prémios César 2018, onde se destaca '120 Batimentos por Minuto' ('120 Battements par Minute') e 'Au revoir là-haut', ambos com 12 nomeações. Segue-se 'Le sens de la fête' com dez, 'Barbara' com nove e 'Petit Paysan' com oito nomeações.

 

Os vencedores da 43.ª edição dos Césares serão anunciados a 2 de Março, em Paris.

 

Melhor Filme
'120 Battements par Minute'
'Au revoir là-haut'
'Barbara'
'Le Brio'
'Patients'
'Petit Paysan'
'Le Sens De La Fête'

 

Melhor Realizador
Robin Campillo – '120 Battements par Minute'
Albert Dupontel – 'Au revoir Là-Haut'
Mathieu Amalric – 'Barbara'
Julia Ducournau – 'Grave'
Hubert Charuel – 'Petit Paysan'
Michel Hazanavicius – 'Le Redoutable'
Eric Tolédano & Olivier Nakache – 'Le Sens De La Fête'

 

Melhor Actriz
Juliette Binoche – 'Un Beau Soleil Intérieur'
Jeanne Balibar – 'Barbara'
Emmanuelle Devos – 'Numéro Une'
Marina Foïs – 'L’Atelier'
Charlotte Gainsbourg – 'La Promesse De L’Aube'
Karine Viard – 'Jalouse'
Doria Tillier – 'Monsieur Et Madame Adelman'

 

Melhor Actor
Swann Arlaud – 'Petit Paysan
Daniel Auteuil – 'Le Brio'
Jean-Pierre Bacri – 'Le Sens De La Fête'
Guillaume Canet – 'Rock’n Roll'
Albert Dupontel – 'Au Revoir Là-Haut'
Louis Garrel – 'Le Redoutable'
Reda Kateb – 'Django'